AGUZZO CUCINA SERÁ RESTAURANTE EXCLUSIVO NO WINE WEEKEND SÃO PAULO FESTIVAL 2017

O evento acontece entre os dias 06 e 09 de julho, no pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera

O Aguzzo Cucina será o restaurante exclusivo na oitava edição do Wine Weekend São Paulo Festival 2017, que acontece no Pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera, entre os dias 06 e 09 de julho.  No menu, constarão clássicos do premiado restaurante italiano, como o – destaque do cardápio – Classico Filetto All’Aguzzo, delicioso e crocante filé mignon empanado com pão feito na casa, gratinado com parmesão, ao molho de tomates frescos, servido com um macio gnocchi de batatas ao molho de manteiga e sálvia.

Há 11 anos, a excelência é o valor fundamental da casa. Devido a isso, o restaurante consta na lista das três edições Latino Americanas do Guia Michelin como um dos 20 melhores italianos de São Paulo.

O restaurante atenderá 118 pessoas sentadas às mesas mais nove ao balcão – em banquetas disponíveis para as refeições mais rápidas. Lounges com sofás e puffs permitirão que os clientes esperem confortavelmente por um lugar, caso a lotação seja atingida.

 As opções estarão disponíveis para consumo imediato e para viagem, na loja express que estará instalada ao lado do restaurante.

 A Wine Weekend São Paulo Festival recebe, em média, 23.000 visitantes todos os anos. Nesta edição, espera atender, aproximadamente, 30.000 pessoas. O evento contará, neste ano, ao todo, com 80 expositores. O ingresso, individual e diário, dará direito a uma taça de degustação (entregue no local, no dia do festival) – para que os apreciadores possam experimentar os vinhos nos estandes -, e à participação nas exposições e oficinas.

 “Neste ano, a Wine Weekend São Paulo Festival irá homenagear a Itália e escolhemos o Aguzzo Cucina exatamente por ser um restaurante que imprime com excelência todos os traços da fascinante cultura gastronômica italiana”, afirma Zoraida Lobato, organizadora do evento.

 Nos quatro dias, serão ministradas ainda diversas palestras – com degustação de vinhos – e um workshop; eles não estão inclusos no valor do ingresso.

 A programação e as informações completas sobre o evento estão disponíveis no site:www. wineweekend.com.br

Serviço:

Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral, s/n – Ibirapuera, São Paulo – SP, 04094-000, Brasil

Horários: De quinta (06 de julho) a sábado (08 de julho): das 12h às 22h/ Domingo (09 de julho): das 12h às 20h

Casa Portoro inaugura em agosto

SP Design Experience um ponto de encontro da arquitetura, decoração, design e paisagismo

A Casa Portoro inaugurará em agosto de 2017 no Alto de Pinheiros, bairro nobre de São Paulo. Com mais de 2.000 m², a casa terá ambientes assinados por profissionais de arquitetura, design e decoração, entre eles Bianka Mugnatto, Olegário de Sá, Gil Cioni, Norah Carneiro, Débora São José, Paula Passos, Danielle Dantas, Sonia Esteves, Marcela Pirozzi, Mayra Lopes, Rogério Perez, Henrique Freneda, Laura Bela, Fabio Basani, Tulio Xenofante e Luciano Zanardo.

Com conceito inovador, a Casa Portoro trará para São Paulo uma experiência de compra única. Uma casa viva onde os clientes poderão conhecer, experimentar e comprar tudo que está sendo apresentado nos espaços ambientados. A casa apresentará também novas tendências e inovações de mercado em revestimentos, metais, ôfuros, spas, banheiras, esquadrias, vidros, iluminação, automação, móveis planejados, móveis e decoração, objetos, obras de arte, esculturas, tapetes, cortinas, persianas, toldos, móveis para áreas externas, papel de parede, paisagismo e mão de obra especializada. Além disso, a Casa Portoro disponibilizará atendimento técnico especializado e o suporte necessário dos produtos e serviços das marcas parceiras.

Com menu elaborado pelo chef André Bocatto a casa terá um charmoso Café Gourmet que estará a disposição dos profissionais e clientes. E também, serviços especiais para profissionais de outras cidades que visitarão a Casa Portoro com atendimento personalizado.

A proposta da casa vai muito além disto, e terá espaço para realização de exposições, eventos e workshops.

Serviços:

Casa Portoro

Abertura: 15 de  agosto de 2017

Horário de funcionamento: De segunda a sexta das 10h às 18h

Endereço: Av. das Nações Unidas, 7.007 esquina com av. Frederico Herman Junior, 622 – Alto de Pinheiros – São Paulo – SP

Telefone: (11) 3898-3232

www.casaportoro.com.br

A Região da Alta Mogiana no World of Coffee Budapeste 2017

AMSC e delegação de produtores de cafés especiais visitam a festejada exposição na capital da Hungria.

Há muitos bons motivos para visitar a World of Coffee Budapest 2017, mostra interativa com mais de 200 fornecedores de cafés, dos mais inovadores do mundo: competições emocionantes, simpósios inspiradores, seminários e oficinas educativas, entre muitas outras atrações, sem contar o passeio pela fascinante capital da Hungria, principal centro financeiro, corporativo, mercantil e cultural do país. Essa bela cidade agora abre suas portas para representantes de regiões únicas do planeta, na produção do café especial.

É o caso da Região da Alta Mogiana, representada por sua Associação – a AMSC –, que participa da feira com uma delegação composta por produtores, cujas bagagens incluem amostras campeãs de cafés especiais.

Recentemente comparada às vinícolas de Borgonha, por Russell Hayward, dono da rede de cafeterias Ascension, de Dallas (Texas, EUA), tal o entusiasmo do empresário pela forma singular do manejo de seus cafezais, a Região da Alta Mogiana encanta a todos que se dispõem a conhecê-la mais profundamente.

Ali não se cultiva grãos, apenas. Planta-se história, paixão pelo café, pela terra, pela família…  E se colhe muita expertise. Com sentimentos de satisfação e valorização da cafeicultura, seus fazendeiros, alguns na quarta geração de lavoura de café, resgatam uma tradição local de 200 anos – o que lhes possibilita não apenas conhecimento científico como também empírico, vivenciando todas as “ondas” do café de forma genuína.

As caraterísticas geográficas também fazem a Região da Alta Mogiana singular. Os grãos ali cultivados crescem em altitudes privilegiadas, até 1.300 metros, que conferem corpo e buquê únicos aos sabores e aromas do café, um dos mais apreciados do Brasil e do mundo. Essa forte cultura, pautada na qualidade, na busca da excelência, selada pela responsabilidade socioambiental, é capaz de inspirar as pessoas a construírem um futuro melhor.

33

 

Região da Alta Mogiana: Vivencie a inspiração pelo café

Localizada numa área de 100 mil hectares de café (o equivalente a quase duas cidades de Budapeste), a Região da Alta Mogiana abrange 23 municípios de dois estados do Sudeste do Brasil, São Paulo e Minas Gerais. E conta com, aproximadamente, 5 mil cafeicultores que produzem em média 2,5 milhões de sacas de 60 kg/aa. Mais que produzir grãos de qualidade, seus produtores buscam a excelência. Para tal, cultivam parcerias autênticas em toda a cadeia de produção – da semente à xícara -, promovendo uma evolução contínua e responsável da Região e dos produtores.

 

Associação dos Produtores de Cafés Especiais da Alta Mogina

A AMSC é uma entidade sem fins lucrativos, fundada em 2005, por um grupo de cafeicultores, com a missão de valorizar e promover o café da Região da Alta Mogiana, criando um senso de referência por meio do conceito de origem, que leve os consumidores a associarem origem, produto e qualidade. Sua visão consiste em promover os cafeicultores e os cafés especiais da Alta Mogiana, oferecendo aos associados oportunidades de crescimento e desenvolvimento através de educação, treinamento e acesso a novos canais de comercialização. Hoje, a AMSC conta com 80 associados diretos, mais de 2,2 mil produtores abrangidos com acesso ao Selo de Origem e Qualidade. Além de realizar anualmente o Fórum de Qualidade da Região da Alta Mogiana, em sua 3ª edição, também é responsável pelo Concurso de Qualidade do Café da Região da Alta Mogiana, que terá sua 15ª edição em 2017. A AMSC já foi sede do Cup of Excellence Naturals, em 2015, e tem o Reconhecimento do Arranjo Produtivo Local de cafés especiais atestado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação do Estado de SP.

Selo de Indicação Geográfica

O IG é um selo que identifica e protege os cafés da Alta Mogiana, por suas características únicas, preservando sua cultura, sua história e sua gente. Tem como objetivo diferenciar um produto e seu produtor, apontando sua origem geográfica e suas condições de produção.

http://www.amsc.com.br

http://www.worldofcoffee-budapest.com

 

 

Galeria Patricia Centurion lança Terra Brasilis

 

A coleção de joias e objetos focada nas raízes brasileiras, e que reúne trabalhos de diversos artistas,

será apresentada dias 8 e 9 de maio. O lançamento marca uma nova fase da galeria

Brinco com turmalina em ouro amarelo 18k Alexandre Afrange para Galeria Patricia Centurion (1)

 O Brasil tem belezas naturais inspiradoras, matérias-primas preciosas e designers talentosos – tudo isso, misturado a um caldo de influências multiculturais. Jogar luz sobre esses predicados, revelando a origem singular do País, é uma forma de resgatar o otimismo brasileiro que anda em baixa. Mais do que oportuno, esse resgate é perfeitamente viável, na visão da joalheira Patricia Centurion, idealizadora do projeto Terra Brasilis, cujo lançamento ocorre nos dias 8 e 9 de maio, na galeria que leva o seu nome.

O projeto pode ser dividido em duas partes: uma concreta e outra teórica. Isso porque, além do lançamento de joias (Coleção Terra Brasilis) e de adornos para casa (Coleção Ecoarts), ambas com temática brasileira; ele inclui dois dias de rodas de conversas com profissionais renomados de várias áreas. Juntos, pretendem ajudar a contextualizar e discutir as questões mais prementes da contemporaneidade brasileira.

“Terra Brasilis, o projeto, nasceu de um desejo coletivo de mostrar um Brasil possível, o Brasil que queremos pra nós”, explica o empresário Alexandre Afrange (ex-diretor-presidente do grupo Restoque/Le Lis Blanc), parceiro de Patricia Centurion nessa empreitada.

Acima, as joias de Alexandre Afrange para Coleção Terra Brasilis: brinco de turmalina e ouro amarelo, anel de turmalina e ouro,  brinco de ametista e ouro amarelo

Ao lado deles, também trabalhou a advogada Marcia Martins – idealizadora da ONG Ecoarts, que faz “joias” para casa. Os três assinam como autores do projeto, cuja inspiração foi justamente a crise institucional por que passa o País. “As pessoas estão em busca de algo para elevar a autoestima”, completa Marcia.

Segundo Patricia, o brasileiro possui uma identidade alegre e criativa. “Somos simples e, ao mesmo tempo, refinados”, afirma Patricia. Essas particularidades, quando transformadas em arte, em música e em outras formas de manifestação cultural tornam-se uma poderosa arma de transformação social.

A coleção marca um novo momento da Galeria Patricia Centurion, que agora passa a se configurar como um espaço de joia com alma brasileira. “Daqui pra frente, vamos investir em matérias-primas, artistas e propostas ligadas ao Brasil”, afirma a joalheira.

Terra Brasilis também pontua outro fato: a estreia de Afrange no universo da joalheria. Enquanto Marcia já acumulava experiência em design utilizando sementes brasileiras em suas “joias de casa”, o empresário até então lidava com a joalheria como um consumidor aficionado. “Sempre fui um apaixonado por gemas e pela joalheria”, diz. “Vi nesse projeto conjunto a chance de exercer a minha criatividade como designer, coisa que só fiz até hoje de forma amadora”.

Peças assinadas por Patricia Centurion: brinco com citrino e ouro amarelo, colar com turmalina rosa e ouro rosa, brinco solitário de turmalina azul e ouro branco

Os três – Patricia, Marcia e Afrange – uniram suas expertises diversas para produzir peças que remetessem à origem e à história do Brasil. Em comum, elas têm o fato de terem sidofeitas com mão de obra e matérias-primas nacionais. Durante o processo de criação coletiva, outras pessoas – de fora do mundo da joalheria – foram convidadas a desenhar joias para complementar a coleção. É o caso da jornalista de moda Helena Montanarini.

“Acredito muito no exercício criativo de juntar pessoas com conhecimentos diversos”, diz Patricia, que propôs algo parecido na coleção “Believe”, lançada em 2015, e que reunia criações de designers de joias a peças criadas por estilistas, jornalistas e arquitetos, entre outros profissionais.

Os 13 artistas que já expõem e vendem suas peças na galeria também foram convidados a criar coleções dentro do tema Terra Brasilis – e assim, reforçar o coro que visa a disseminação da identidade brasileira.

Marcia Martins, idealizadora da Ecoarts e suas peças com sementes e frutos: anel aguaí duplo com ouro amarelo, pulseira paxiúba como ouro amarelo, anel aguaí tingido com ouro amarelo

Programação

Dia 8/05

Às 11h: Abertura com lançamento da coleção “Terra Brasilis”

Às 12h30: a advogada e designer Marcia Martins fala sobre a ONG Ecoarts e as suas biojoias.

Às 13h: o cientista político Heni Ozi Cukier fala sobre o momento atual da geopolítica brasileira.

Às 18h30: o jornalista americano Matthew Shirts mostra o olhar estrangeiro sobre o Brasil.

Encerramento às 21h.

Dia 9/05

Às 11h: Abertura com lançamento da coleção “Terra Brasilis”

Às 12h30: a advogada e designer Marcia Martins fala sobre a ONG Ecoarts e as suas biojoias.

Às 13h: o arquiteto Marcelo Rosenbaum fala sobre o projeto de design “A gente transforma”.

Às 18h30: a jornalista de moda Helena Montanarini bate um papo sobre o novo luxo.

Encerramento às 21h.

 

Serviço

Lançamento “Terra Brasilis” – Galeria Patricia Centurion

Dias 8 e 9 de maio, das 11 às 21h

Al. Lorena, 1611, 11º. Andar

(Venha de táxi ou de UBER)

 

Eliana Castro (11) 98266-3142

 

 

 

 

Estilo para todas as Mães

Foi o tempo em que usar óculos era careta, que as pessoas se escondiam atrás das armações ou optavam direto pela lente de contato. Agora usar óculos é divertido, é ousado, é  tendência, usar óculos está na Moda. E a Stepper faz a lição de casa, trazendo lindos modelos para agradar a todos os tipos de mães nesta data.

De geração em geração, os modelos destacam cada estilo e visual. Todos compostos por TX5 – material extremamente leve, resistente e hipoalergênico, desenvolvido na Suíça para uso exclusivo da Stepper Eyewear. Com detalhes nas hastes, ponte e acabamentos em titânio, bem mais resistente e 50% mais leve que outros metais, além de ser livre de corrosão e antialérgico, permite desenhos e relevos em cortes a laser.

Para a mãe mais jovem e antenada com as tendências da Moda: nossa escolha fica entre a linha jovem, Stepper S ou a Eclectic, no estilo vintage, uma tendência que veio para ficar, que revisita com estilo clássicos inesquecíveis.

jovem

Já para a mãe que, apesar da idade, não abandona o estilo moderno e faz questão de ser notada, passeamos pela atrativa Eclectic e pela Stepper, linha clássica com toque original.

idade

Mas, como estilo não tem idade, sugerimos desde um modelo vintage da coleção Eclectic, para ela revisitar épocas que trazem boas lembranças da adolescência, até um modelo mais clássico, sem dispensar a classe.

sem idade

 

Todos os modelos estão disponíveis nas principais óticas do Brasil. (Caso precise citar um endereço e preço, favor solicitar).

http://www.legadostepper.com.br

 

CL&S Comunicações

Dicas de presentes Lacoste para o Dia das Mães .

A Lacoste apresenta opções de presentes especialmente selecionados para o Dia das Mães, capazes de agradar os mais variados perfis – clássica, esportista ou casual.

Confira a galeria com opções que vão desde sapatos a bolsas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

SAC
Shopping Iguatemi – Av. Brigadeiro Faria Lima, 2232 – Jd. Paulistano
Tel.: (11) 3812-8801
www.lacoste.com.br