Central Caos recebe a primeira edição da Timoneiro Feira de Arte nos dias 3 e 4 de dezembro

Com curadoria de Silvana Mello, o evento reunirá 15 expositores

Nos dias 3 e 4 de dezembro acontece, na loja e bar Central Caos, entre 11h e 19h, a primeira edição da Timoneiro Feira de Arte, que terá mais de 15 expositores com obras que vão de bijuterias étnicas a colagens e telas. Os artistas convidados são Carlos Issa, Carlos Dias, Dea Lellis, Daniel Melim, Felipe Cama, Ignácio Aronovich, Louise Chin (Lost Art), Luísa Ritter, Marcio Banfi, Mario de Alencar, Paula Plim, Rael Brian, Silvana Mello, Thais Ueda, Talita Hoffmann e Banquinha de Bijuterias Étnicas da Múmia Medusa.

Quem assina a curadoria é Silvana Mello, artista plástica que há 15 anos trabalha, basicamente, com arte autoral. Foi apresentada pela Galeria Choque Cultural, na qual expôs por seis anos, e, no mesmo período participou de diversas mostras e exposições em São Paulo, Rio de Janeiro, Los Angeles e Inglaterra.

“O objetivo da Timoneiro Feira de Arte no Central Caos, que tem peças com preços entre R$ 100 e R$ 3.000, é fazer com que cada vez mais pessoas possam adquirir trabalhos autorais de artistas conceituais que, geralmente, expõem apenas em galerias”, explica Silvana.

A loja e bar Central Caos, que funciona na Rua General Júlio Marcondes Salgado, 321, em Santa Cecília, São Paulo, novo empreendimento dos sócios Tibira Martins e Kadu Paz, abriga uma loja, um ateliê, shows, feiras esporádicas, workshops, funciona como um estúdio para locações de publicidade e cinema e, claro, tem um bar que oferece drinks, sanduíches, porções, pratos e sobremesas. O acervo agora inclui móveis, carros antigos, lambretas e afins. A loja Central Caos funciona de segunda-feira a sábado, das 11h às 18h, enquanto o bar abre de terça-feira a domingo, sempre às 18h.

“O Central Caos integra um bar e uma loja com o intuito de apresentar várias alternativas de lazer em apenas um local e valorizar uma estética mais voltada para as artes visuais”, explica Tibira. A identidade visual do local, que funcionou durante antes como uma oficina mecânica, é assinada pelo artista plástico Samuel Lenzi.

Timoneiro Feira de Arte @ Central Caos
Endereço: Rua General Júlio Marcondes Salgado, 321 – Santa Cecília
Data: 3 e 4 de dezembro, das 11h às 19h
Entrada gratuita
Formas de Pagamento: Dinheiro, cartões de débito e créditos das bandeiras Master e Visa
Telefone: (11) 3661-2009                                                                                                                                  Acessibilidade 

Agência Lema

Hotel The Milestone oferece programa exclusivo de hospedagem durante exposição dos Rolling Stones em Londres

Entre abril e junho de 2016, visitantes da mostra poderão se hospedar
no Hotel The Milestone, na capital britânica, com diárias a partir de
496

Os fãs dos Rolling Stones têm um ótimo motivo para visitar Londres no próximo ano: um pacote de hospedagem especialmente idealizado pela Red Carnation Hotels, com diárias a partir de € 496, oferece a oportunidade de desfrutar das acomodações do Hotel The Milestone e visitar a exposição Exhibitionism, que homenageia os músicos, na Saatchi Gallery.

O The Milestone é um hotel-boutique cinco estrelas localizado no bairro de Kensington próximo a bares, restaurantes, lojas e galerias de arte da capital inglesa. Em 2014, foi eleito o Top UK Hotel pela Choice Awards TripAdvisor Travelers e, neste ano, recebeu o prêmio da Condé Nast como um dos 30 melhores hotéis de Londres.

Ao todo, são 56 apartamentos exclusivamente decorados, academia, SPA, sala de massagem e o luxuoso restaurante Cheneston’s. O hotel, que integra a Leading Hotels of the World, também conta com seis apartamentos de dois quartos, cozinha e salas de jantar e de estar, ideais para reunir toda a família ou grupos de amigos.

Para quem deseja uma viagem inesquecível e confortável, a Red Carnation oferece estadias entre abril e junho com quatro noites de hospedagem em apartamentos da categoria Deluxe King (sendo uma delas cortesia), café da manhã, além de dois ingressos para a mostra.

A exposição que celebra os 50 anos da banda reúne mais de 500 objetos, entre eles registros fotográficos, instrumentos, capas de álbuns, diários pessoais, desenhos de cenário e figurinos usados pelos músicos. O público poderá admirar todo esse acervo de abril a setembro de 2016.

Para mais informações, consulte seu agente de viagens.

 

SOBRE A THE TRAVEL CORPORATION

A The Travel Corporation é um grupo de marcas internacionais de viagens altamente bem-sucedido que surgiu há 90 anos na África do Sul. Hoje, já são mais de 30 empresas premiadas com atuação em 70 países. Essas marcas incluem hotéis de luxo, navios-boutique para cruzeiros fluviais, operadoras de turismo e outras atividades da indústria de viagens. Confira a seguir algumas das marcas da The Travel Corporation: Trafalgar, Contiki, Brendan Vacations, Insight Vacations, Red Carnation, Hotel Collection, AAT Kinkgs, Thompsons Africa, Busabout, Evan EvansTours e Uniworld River Cruise Collection. Para mais informações, envie um e-mail para: info@travcorp.com.br

 

Galeria Lume anuncia seu novo endereço e abre mostra coletiva

A Galeria Lume inaugura seu novo espaço no Jardim Europa e abre a exposição coletiva Blow Up!, com obras de todos os artistas por ela representados. Sob curadoria de Paulo Kassab Jr., aproximadamente 40 trabalhos, entre fotografias, esculturas objetos e pinturas, compõem a mostra, que propõe uma nova forma de pensar e analisar a arte, alheia a preconceitos ou amarras pré-estabelecidas.

O significado da obra de arte não está apenas no olhar. Toda acepção nasce em nós mesmos, escravos dos limites de nossos universos culturais e de nossas afinidades. “A fotografia, a tela ou a escultura vivem enquanto apreciadas; antes disso são vazios à espera da contemplação.”, comenta o curador da exposição. Em um momento especial para a Galeria Lume – a inauguração de seu novo espaço -, Blow Up! desafia o espectador a decifrar as obras de uma maneira particular, pessoal. Na ocasião, um recorte do portfólio da galeria perfaz a mostra coletiva: diferentes séries, conceitos, olhares e materiais se misturam para instigar distintas formas de pensar. Entre alguns dos trabalhos expostos, temos a série Flying Houses, do fotógrafo francês Laurent Chéhère; Ladies Room Around the World, da norte-americana Maxi Cohen; The Non Conformists e The Last Resort, do britânico Martin Parr; entre os brasileiros, Priva-Cidade, Publi-Cité, de Rodrigo Kassab; São Paulo Verticais, de Paulo D’Alessandro,Corpo Vago, de Gal Oppido; a pintura realista Cantareira, de Kilian Glasner; além de pinturas de Paulo von Poser e esculturas de Florian Raiss.

Fundada em 2011, a Galeria Lume cresceu; os limites de sua antiga sede já não comportavam mais seu vasto portfólio. Com novos artistas, começou a explorar novas mídias, para as quais o espaço físico é primordial. “Além disso, há muito tempo queríamos ter a galeria com acesso mais fácil, e agora chegou o momento.”, comenta Felipe Hegg. Com uma localização privilegiada, a Lume dá um passo adiante e se estabelece como uma referência no mercado. A nova galeria abrigará não apenas exposições como também debates, saraus, cursos livres e, em breve, uma residência artística.

Em meio a tamanha diversidade, alguns talvez enxerguem o conjunto de obras dispostas em Blow Up! como belas paisagens, imagens históricas, esculturas e telas tecnicamente perfeitas, seguindo a exatidão de olhos apegados à realidade. Já os afeitos à imagem poética, à imaginação, “verão cheiro de infância em casas que flutuam, ouvirão contos através de indiscretas janelas e questionarão cobras que transformam-se em rios, criando nostalgias de um tempo vivido na memória.”, conclui Paulo Kassab Jr.

Exposição Blow Up!

Artistas Angelo Luz, Akira Cravo, Alberto Ferreira, Claudio Edinger, Diego Kuffer, Florian Raiss, Gabriel Wickbold, Gal Oppido, Gilberto Salvador, Guta Galli, José Guedes, Kilian Glasner, Laurent Chéhère, Lucio Carvalho, Martin Parr, Maxi Cohen, Paulo D’Alessandro, Paulo von Poser, Penna Prearo, Rodrigo Kassab, Terry O’Neill, Znort

Curadoria Paulo Kassab Jr.

Coordenação Felipe Hegg e Victoria Zuffo

Abertura 27 de novembro de 2014, quinta-feira, às 19h

Período De 28 de outubro de 2014 a 17 de fevereiro de 2015

Local Galeria LUME – http://www.galerialume.com

Rua Gumercindo Saraiva, 54 – Jd. Europa – São Paulo, SP

Tel.: (11) 3168-0351

Horário Segunda a sexta-feira, das 10h às 19h. Sábado, das 11h às 17h

Ricardo Camargo Galeria inaugura projeto “Recortes de uma Coleção – Marcelo Cintra”

Ricardo Camargo Galeria inaugura nova edição do projeto “Recortes de uma Coleção” trazendo uma seleção de fotografias do colecionador Marcelo Cintra, em exposição pela primeira vez no circuito cultural paulistano. Com curadoria de Ricardo Camargo e texto de Diógenes Moura, a mostra exibe 18 fotografias – p&b e cor – de dez autores renomados do circuito brasileiro e internacional, como Begoña Egurbide, Cristiano Mascaro, Mario Cravo Neto, Miguel Rio Branco, Pedro David, Pedro Motta, Pierre Verger, Robert Mapplethorpe, Sebastião Salgado e Tuca Reinés.

O recorte elaborado para a mostra é composto por imagens que, de alguma forma, por algum ângulo, em algum momento entre o olhar e a apreensão da cena pelo profissional, retrata a figura humana; no todo ou em partes, em movimento ou estático. “O conjunto de imagens escolhido na coleção de Marcelo Cintra trata dessa relação: o fotógrafo e o outro, ele mesmo.”, define Diógenes Moura.

Fases representativas dos fotógrafos com trabalhos icônicos das mesmas estarão dispostas lado a lado, formando um painel visual harmônico e ao mesmo tempo diversificado, abrangendo temas dos mais variados como crenças populares, sadomasoquismo, sensualidade, entre outras.

A coleção de Marcelo Cintra possui como base primordial o olhar criterioso do colecionador: “somente compro as fotos que me emocionam; seja pelo tema abordado ou pela técnica utilizada” define Marcelo Cintra. A inclusão da fotografia em seu acervo pessoal ocorreu após uma visita, já há alguns anos, a semana de Fotografia em Madrid; sendo que nos dias atuais estas já respondem por 20% de suas obras de arte.

Exposição: “Recortes de uma Coleção – Marcelo Cintra”

Curadoria: Ricardo Camargo

Texto: Diógenes Moura

Coquetel para convidados: 25 de Novembro de 2014, terça-feira, das 19h às 23h

Período: De 26 de Novembro a 17 de Dezembro de 2014

Local: Ricardo Camargo Galeria – www.rcamargoarte.com.br

Rua Frei Galvão, 121 – Jd. Paulistano – São Paulo, SP

Tel.: (11) 3031 3879, 3819 0277

Horário: Segunda a sexta das 10h às 19h aos sábados das 10h às 14h

Exposição Em Transito – The Shore Club Miami acontece simultaneamente à Miami Art Basel

Carlos Motta convida para a bela exposição “Em Trânsito”, organizada pela Galeria Espasso, sua parceira e representante em NY, LA e Londres, cujo seu acervo exibe o melhor do design brasileiro.
Estarão expostas peças únicas ou de tiragem limitada, e também peças nunca antes mostradas ao público, desenhadas por arquitetos e designers como Oscar Niemeyer, Sergio Rodrigues, Carlos Motta, Etel Carmona, Zanini de Zanine, Claudia Moreira Salles, Fernando Mendes, Jorge Zalszupin e Izay Weinfeld.
Com apoio da Wallpaper e da HFZ Capital Group, essa exposição será aberta dia 3 de dezembro e poderá ser vista até 4 de janeiro de 2015 no The Shore Club, um dos hotéis mais emblemáticos de South Beach, que em breve será completamente redesenhado pelo conceituado arquiteto brasileiro Isay Weinfeld. “Em Trânsito” acontece simultânea à Miami Art Basel.

carlosmotta.com.br

1500 Babilonia – SAMSARA – Hirosuke Kitamura (Oske) – 22 de Novembro

A 1500 Babilônia exibe Samsara, do fotógrafo nipo-brasileiro Hirosuke Kitamura (Oske), composta por 16 imagens feitas durante suas viagens à Índia.

Nascido em Osaka, Japão, e morador de Salvador da Bahia, Oske se sentiu impactado durante suas expedições pela Índia. A cultura extremamente exótica e o caos desenfreado das cidades o impregnaram a ponto de lhe dar a sensação de estar percorrendo um labirinto. Não obstante essa realidade desordenada, Oske percebeu uma ordem natural operando através do forte contato entre os seres humanos e os elementos da natureza, de tal modo que uma profunda serenidade emana entre aquele povo.

Esta conexão entre o homem e a natureza, a transformação, a morte e a vida infinita é uma crença espiritual enraizada na cultura indiana. Desta percepção surgiu a série Samsara, na qual o fotógrafo explora o movimento dos corpos humanos, cenas cotidianas como o banho no Ganges, a textura da carne crua dos animais, que se transformam pela passagem do tempo. O cenário gerado por essas imagens não expressa alegria, preocupação, tristeza nem raiva, simplesmente vai passando com o silêncio que emana dele.

Neste novo trabalho, não existe separação de tempo e espaço, paraíso e inferno, dia e noite, pois não existe definição de nada, apenas a mistura desses elementos silenciosos com a natureza humana. Nas palavras de Oske: “Ainda não consigo compreender exatamente o que eu vi na Índia. Talvez este mundo sem rumo, sem certezas, também seja como o círculo de Samsara, que segue misterioso e me hipnotizando.”.

Donwload e visualização de imagem – http://bit.ly/1EWiMKg

Exposição:  Samsara, de Hirosuke Kitamura (Oske)                       

Direção: Alex Bueno de Moraes

Abertura: 22 de novembro de 2014, sábado, das 15 às 22h

Período: 27 de novembro de 2014 a 21 de fevereiro de 2015

Local: 1500 Babilônia – www.1500babilonia.com

Rua Marquês de Abrantes, 19, Babilônia, Leme – Rio de Janeiro

Horário:  quinta e sexta-feira, das 11h às 20h; sábado, das 12h às 18h ou por agendamento.

Nde obras: 16