Central Caos recebe a primeira edição da Timoneiro Feira de Arte nos dias 3 e 4 de dezembro

Com curadoria de Silvana Mello, o evento reunirá 15 expositores

Nos dias 3 e 4 de dezembro acontece, na loja e bar Central Caos, entre 11h e 19h, a primeira edição da Timoneiro Feira de Arte, que terá mais de 15 expositores com obras que vão de bijuterias étnicas a colagens e telas. Os artistas convidados são Carlos Issa, Carlos Dias, Dea Lellis, Daniel Melim, Felipe Cama, Ignácio Aronovich, Louise Chin (Lost Art), Luísa Ritter, Marcio Banfi, Mario de Alencar, Paula Plim, Rael Brian, Silvana Mello, Thais Ueda, Talita Hoffmann e Banquinha de Bijuterias Étnicas da Múmia Medusa.

Quem assina a curadoria é Silvana Mello, artista plástica que há 15 anos trabalha, basicamente, com arte autoral. Foi apresentada pela Galeria Choque Cultural, na qual expôs por seis anos, e, no mesmo período participou de diversas mostras e exposições em São Paulo, Rio de Janeiro, Los Angeles e Inglaterra.

“O objetivo da Timoneiro Feira de Arte no Central Caos, que tem peças com preços entre R$ 100 e R$ 3.000, é fazer com que cada vez mais pessoas possam adquirir trabalhos autorais de artistas conceituais que, geralmente, expõem apenas em galerias”, explica Silvana.

A loja e bar Central Caos, que funciona na Rua General Júlio Marcondes Salgado, 321, em Santa Cecília, São Paulo, novo empreendimento dos sócios Tibira Martins e Kadu Paz, abriga uma loja, um ateliê, shows, feiras esporádicas, workshops, funciona como um estúdio para locações de publicidade e cinema e, claro, tem um bar que oferece drinks, sanduíches, porções, pratos e sobremesas. O acervo agora inclui móveis, carros antigos, lambretas e afins. A loja Central Caos funciona de segunda-feira a sábado, das 11h às 18h, enquanto o bar abre de terça-feira a domingo, sempre às 18h.

“O Central Caos integra um bar e uma loja com o intuito de apresentar várias alternativas de lazer em apenas um local e valorizar uma estética mais voltada para as artes visuais”, explica Tibira. A identidade visual do local, que funcionou durante antes como uma oficina mecânica, é assinada pelo artista plástico Samuel Lenzi.

Timoneiro Feira de Arte @ Central Caos
Endereço: Rua General Júlio Marcondes Salgado, 321 – Santa Cecília
Data: 3 e 4 de dezembro, das 11h às 19h
Entrada gratuita
Formas de Pagamento: Dinheiro, cartões de débito e créditos das bandeiras Master e Visa
Telefone: (11) 3661-2009                                                                                                                                  Acessibilidade 

Agência Lema

Riachuelo da Rua Oscar Freire ganha nova fachada

Hoje, 16/08, a Riachuelo da Rua Oscar Freire entra no clima das coleções de verão com uma nova fachada assinada pela artista Luzia Simons, conhecida internacionalmente por suas obras que retratam flores. A curadoria é da galerista Nara Roesler.

Com fundo branco e estampa floral, a nova intervenção traz um repertório diferente dos anteriores, leve, florido e delicado. “Entendemos que a nossa missão é democratizar a moda e, junto com ela, arte e cultura. Queremos presentear as pessoas, a rua, e a cidade”, explica Marcella Kanner, gerente de Marketing da Riachuelo.

A fachada da loja localizada na Rua Oscar Freire é trocada periodicamente, mas sempre com uma intervenção artística em destaque.

 

Art Lab Gallery é o novo endereço artsy de São Paulo

Art Lab Gallery, localizada no bairro do Jardins em São Paulo, abre suas portas no dia 11 de agosto de 2016. Com 149m², a galeria dispõe de espaços para abrigar exposições, palestras, cursos e workshops. Segundo a idealizadora do projeto, Juliana Mônaco, “o objetivo da galeria é conectar vertentes e expressões artísticas do universo das artes plásticas e design, além de inserir novos artistas ao lado de nomes consagrados democratizando o ambiente expositivo.”

Com um conceito peculiar, todas as exposições de arte serão concomitantes com uma exposição cápsulas de joias, criadas e inspiradas a partir das obras da mostra principal.  Sob o comando de Eliane Soares, curadora de joias e diretora geral do projeto, “o intuito da exposição é registrar, revelar e promover algumas descobertas ao longo de alguns trabalhos, retratando a diversidade e abrangência da cultura brasileira, mostrando novas formas e variadas diferenças locais e regionais, marcando assim o nascimento de um novo conceito de arte contemporânea.”

A inauguração da galeria contará com grandiosa exposição ‘Raízes do Brasil’ da artista plástica Bia Doria, junto com a mostra ‘Bia Doria inspira joias’ por 12 designers joalheiros convidados a homenageá-la apresentando coleções cápsulas inspiradas no trabalho da artista.

Outra exposição que marca a abertura da Art Lab Gallery é a ‘Arte Brasileira na Contemporaneidade’. Sob a curadoria da produtora cultural Carmen Elisabeth Pousada, a mostra apresenta telas, gravuras, esculturas e fotografias de artistas consagrados como Caciporé Torres, Sonia Menna Barreto, David Dalmau e Emanuel Nunes e dos contemporâneos André Berardo, Dolly Moreno, Andrei Monteiro, Sonia Gabriele, Andrea Annunziata, Gilberto Grosso, Virgínia Sé e Claudio Gonçalves, entre outros. A exposição Raízes do Brasil tem entrada franca, começa no dia 11 de agosto e vai até o dia 10 de setembro.

 

Serviço: Art Lab Gallery

Período: de 11/8 a 10/9

Horários: de terça a sábado, das 11h às 19h, domingo das 14h às 18h. Fechado nas segundas

Endereço: Rua da Consolação, 3.387 – Jardins – São Paulo

Telefone: (11) 4324-0083

Site: www.artlabgallery.com.br

Entrada gratuita

Istituto Europeo di Design promove formação com vivência internacional

Com proposta inovadora, faculdade internacional de Design oferece estudos complementares na Itália

O Istituto Europeo di Design – IED São Paulo inova ao assegurar que os novos alunos desfrutem de uma experiência internacional na Itália. Quem se matricular em um dos cursos de graduação ou pós até o dia 18 de novembro de 2015 garante um curso de férias em Veneza, que será realizado em julho de 2016.

Os cursos superiores do IED São Paulo, com duração de três anos, terão início em fevereiro de 2016 e as ofertas são variadas, abrangendo graduações em Design de Moda, Design de Produto, Design de Interiores, Design Gráfico e Digital e  Design de Joias e Acessórios. O processo seletivo será no dia 25 de novembro.

Já os cursos de Pós-Graduação do IED São Paulo oferecidos para 2016 são: Fashion Marketing and Communication (Marketing e Comunicação de Moda), Design de Interiores Contemporâneo, Design Estratégico e Inovação, Design Editorial e Infografia, Branding Experience e Transportation Design, com conteúdos desenvolvidos ao longo de 18 meses.

“Nossa instituição traz em seu DNA o que acreditamos ser vital para quem busca uma sólida formação profissional: saber e saber fazer. Ou seja, promovemos o que há de mais atual na cultura e na prática do Design, em linha com a perspectiva de uma atuação global”, explica Victor Megido, Diretor Geral do IED Brasil. O executivo acrescenta que o curso de férias, além de formação complementar e um importante incremento no currículo dos participantes, amplia o repertório e promove diálogos com as propostas mais atuais em criação e negócios.

Veneza foi a cidade escolhida por sua tradição milenar que ajudou a forjar os padrões do “Made in Italy”. Sede do célebre Festival de Cinema e de uma das bienais de Artes mais importantes do mundo, também destaca-se pelo alto artesanato em materiais como vidro, além de ser o berço de pintores como Tintoretto, Tiziano, Veronese e Bellini.

Quem for para Itália em julho viverá uma semana intensa de workshops e visitas aos mais importantes escritórios e agências de Design, ateliês, galerias, museus e sedes de marcas icônicas. As profissões ligadas ao Design estão cada vez mais valorizadas em todas as esferas sociais e principalmente no mercado que está sempre em busca de novas linguagens e soluções. À frente dessa tendência, o IED São Paulo tem a intenção de conectar seus alunos com os principais centros de referência em Design na Europa e no mundo.

Confira todos os detalhes nos regulamentos específicos para interessados na Graduação e na Pós-Graduação.

Open Day      

Para se apresentar aos futuros universitários, o IED realiza o Open Day, série de dinâmicas educacionais e atividades com a finalidade de promover vivências em Design e tirar eventuais dúvidas dos futuros alunos. O intuito é disponibilizar informações detalhadas sobre a formação proposta pela faculdade, além de uma ocasião na qual os interessados podem conhecer e conversar com os coordenadores e professores.

São abordados tópicos como: de que forma IED pode impulsionar sua carreira, realizar um tour no campus e descobrir um pouco mais sobre a rotina e as ambições dos alunos do IED e, por fim, obter todas as informações relativas ao processo seletivo, cursos, taxas, matrícula e serviços oferecidos pela instituição.

Sobre o Istituto Europeo di Design – IED

O Istituto Europeo di Design – IED atua nos campos de educação e pesquisa, em todas as áreas do Design – Estratégico, Produtos, Serviços, Interiores, Gráfico, Digital, Moda, Social e negócios relacionados. Em contínua expansão, suas 11 unidades – presentes no Brasil, Itália e Espanha – já formaram cerca de 150 mil profissionais, provenientes de mais de 100 países.

Em São Paulo, em sua sede no bairro de Higienópolis, como faculdade reconhecida e bem avaliada pelo MEC, oferece cursos de graduação, pós-graduação e extensão, assim como programas de atualização e formação avançada para empresas, entidades e governos. No Rio de Janeiro, abriu sua sede no edifício histórico já ocupado pelo cassino da Urca e pela TV Tupi, onde oferece cursos livres e de pós-graduação. O IED foi escolhido pela Abedesign como a melhor instituição de ensino do Brasil em 2014.

Serviço:

OPEN DAY do IED São Paulo

Data: 14/11 (sábado) a partir das 10h.

Endereço: Rua Maranhão 617 – Higienópolis

Index Assessoria

Mostra de trabalhos manuais sofisticados ocupa espaço Fashion da New Creators

A New Creators exibe a mostra coletiva “Feito a Mão”, concebida pela curadora Mariana Jacinto, onde reune um grupo de criadores dos segmentos de moda e assessórios, buscando peças exclusivas que tem como principal elemento, o processo por trás do desenvolvimento de cada formato de trabalho. As peças expõe as influências advindas de técnicas tradicionais existentes dentro dos métodos artesanais utilizados.

Kazuê e Cris Matsuoka, Liz Mello por Lanabella, Renata Dallari, Catarina Mina, Cecília Neves, Drê Magalhães, Kör Atelier e Montageart são os artistas convidados para essa primeira edição. “Foi elaborada uma seleção criteriosa de criadores dos segmentos de moda (designers textêis e estilistas) e acessórios, que transmitissem para suas criações uma sensibilidade artística, que pode ser facilmente notada através da escolha dos materiais utilizados, unindo acabamentos diferenciados” define Mariana Jacinto.

Conforme conceito de curadoria estabelecido, os trabalhos estão divididos em dois núcleos: “Kaftans” e “Assessorios”.

Nos “Kaftans”, a utilização do processo artesanal na execução da peça, é o que a torna única. Liz Mello, do atelier Lizhara, e Lanabella, criaram coleção com desenhos e bases exclusivas para a exposição conjugando arte com tendências atuais, as estampas únicas em processos e materiais artesanais. Para Kazuê e Cris Matsuoka, do conceito inicial ao tecido pronto, retomam o processo do fazer criativo e personalizado. Inspiradas no kimono tradicional, as peças são confeccionadas em fibras naturais – algodão ou linho – e estampas especificas, do pattern ao block print, em processo totalmente artesanal e cores únicas. Renata Dallari abordou os quatro elementos da natureza: água, terra, fogo e ar; criando uma metáfora, onde tanto o processo como o resultado, são originados do equilíbrio dos elementos em estado fisico: sólido, liquido, gasoso e plasma, utilizando o Shibori, técnica milenar oriental, com amarração e dobras e, que tinge tecidos por imersão à quente.

No núcleo “Assessorios”, Eduardo Aiello e Alex de Oliveira, da Montageart, com suas criações livres e intuitivas, expõem peças que estacam o contraste dos materiais que, sobrepostos em camadas, criam uma escala própria, originando um universo único e atemporal. Revelar seu processo de produção é o diferencial de Catarina Mina. A designer de bolsas acredita que a beleza do produto final é ressultado de uma trajetória de carinho e técnica que percorre muitas mãos. Cecília Neves, em processo autoral, expõe linha de jóias “Alta Costura”. Feitas a mão, milimetricamente bordadas com miçangas de porcelana, perolas, madreperolas, cristais, pedras preciosas e semipreciosas, metais banhados em prata e ouro, mantém seu estilo arrojado e delicado. A busca por materiais rústicos e sua habilidade em trabalhos manuais conduziram Drê Magalhães à “corda com miolo 100% biodegradável” que apresenta um agama diversa de cores e materiais transformados em cintos. O estilo Kör Atelier alinha o clássico ao contemporâneo por meio da arte com bolsas produzidas em couro e feitas para durar. A produção é artesanal e, todas as peças, modeladas e fechadas à mão, garantindo exclusividade e qualidade em séries limitadas e atemporais.

New Creators encerra seu calendario de 2015, após intensa agenda, com destaques da criação artesanal que não artesania, onde “o processo criativo recebe uma atenção especial e está associado à valorização da cultura” define a curadora do espaço, já com agenda pronta para 2016.

 

Exposição: Feito a Mão

Designers:

Assessórios: Catarina Mina, Cecília Neves, Drê Magalhães, Kör Atelier, Montageart

Kaftans: Kazuê e Cris Matsuoka, Liz Mello por Lanabella, Renata Dallari

Curadoria: Mariana Jacinto

Abertura: 11 de novembro – quarta-feira – das 18 às 22h

Período: 12  de novembro a 21 de dezembro de 2015

Local: New Creators www.newcreators.art.br

Rua Lisboa, 281 – Pinheiros – São Paulo, SP

Tel.:  (11) 3539‐1756

Horário de visitação: segunda a sexta-feira, das 12 às 19h; Sábado, das 12 às 16h;