Restaurante Satay abre nos Jardins, em São Paulo, apresentando a cozinha chinesa contemporânea

Dos mesmos proprietários da Brasserie des Arts, o restaurante é comandado por uma dupla de chefs, o chinês Kin Lee Lam (ex- Mr. Lam) e Low Kin, de Cingapura, e o bar tem drinks de inspiração oriental assinados por Marcelo Serrano

Restaurante chinês de ambiente requintado que apresenta ao público paulistano a gastronomia contemporânea da China. Assim é o Satay, que acaba de ser inaugurado na Rua Padre João Manoel, 1149, nos Jardins, bem ao lado da Brasserie des Arts, casa que também tem como sócios Luigi Cardoso, Philip Klein, Roberto Coelho da Fonseca e Silvio Coelho.

O projeto arquitetônico assinado por Felipe Diniz e a iluminação de Maneco Quinderêcriaram um restaurante elegante e de traços modernos. A entrada é feita pelo terraço, uma boa pedida para dias de calor. No salão, com piso e forro de madeira, uma das paredes foi coberta por tecido estampado com figura de chineses. Sofás vermelhos compõem o ambiente com mesas e cadeiras de tom escuro. Um painel decorativo de madeira recortada separa o salão do bar, com seu balcão laqueado em azul turquesa. No andar de cima, está o lounge de espera, que conta com bar próprio, e uma grande varanda em formato circular.

Para comandar a cozinha do Satay, foi formada uma dupla de chefs orientais: o chinêsKin Lee Lam, que também atende pelo “nome brasileiro” de Alan Lam e foi chef do Mr. Lam, no Rio de Janeiro, e Low Kin, de Cingapura, que teve passagem por restaurantes da Tailândia.

China contemporânea e pratos tradicionais

Cardápio do Satay reúne receitas chinesas contemporâneas, pratos com influência de outros países asiáticos, como Cingapura e Tailândia, e também alguns dos maioresclássicos da cozinha da China. Servidos em bowls e travessas, os pratos são ideais para compartilhar e os clientes tem à disposição hashis e talheres ocidentais.

Para começar a refeição, há entradas como o Chicken Satay, espetinho de frango com molho especial (R$ 19), Wasabi Praws, camarões empanados com molho ao wasabi (R$ 35), Duck Salad, salada de pato, folhas verdes e frutas cítricas, além Spring Rolls, rolinhos primavera, e Dumplings, trouxinhas ao vapor, de recheios variados.

Entre os pratos principais, o destaque fica com o Pekin Duck, tradicional pato de Pequim laqueado (R$ 158, o pato inteiro). Para preparar a receita, conhecida nas cortes imperiais da China desde o século XIV, o restaurante construiu uma sala climatizada – onde a ave fica pendurada para secar por pelo menos 12 horas após um “banho” de mel e vinagre, entre outros ingredientes – e trouxe da China um forno especial de aço inox redondo, onde o pato é assado inteiro e depois fatiado.

Outras sugestões de pratos são o Black Pepper Tuna, atum com pimenta negra (R$ 53), o Crispy Milk Praws, camarões empanados com leite (R$ 66), o Oyster Beef, fatias de mignon com molho de ostra levemente apimentado, o Pekin Chicken, cubos de frango com castanha e molho agridoce (R$ 43), e o Mango Duck, fatias de pato laqueado com manga e molho cítrico (R$ 68).

Como acompanhamento, o menu traz opções com o Noodle Meat, massa artesanal com carne e molho especial (R$ 43) e o Fried Rice, arroz frito com camarão, vegetais e ovos (R$ 16). E para a sobremesa, há delícias como o Arroz doce com manga (R$ 20) e o Bolo de pistache com sorvete de chá verde (R$ 20).

 Novos drinks assinados por Marcelo Serrano

A carta de drinks do Satay foi elaborada pelo premiado barman Marcelo Serrano, que pilota as coqueteleiras da Brasserie des Arts. Eleito o melhor barman da cidade pela votação popular do prêmio Comer e Beber 2013, da revista Veja S. Paulo, ele se inspirou nos sabores e aromas orientais para preparar bebidas originais. Servidas em taças, copos e xícaras especiais, suas criações são sempre cuidadosamente apresentadas.

Entre os drinks autorais de Serrano, estão o Hong Kong, com tequila com infusão de baunilha, chá de especiarias, framboesa, maple syrup e suco de limão siciliano (R$ 25), o Shangai Mule, com vodka, licor de umê, suco de limão siciliano e espuma de capim santo (R$ 28), o Green Tea, com shochu Kirishima, kinkan, xarope de açúcar de coentro, Chartreause, suco de laranja, suco de limão siciliano e licor de yuzu (R$ 25), e o Smoked Duck, whisky defumado, mel do pato laqueado, maracujá, suco de limão siciliano, gengibre e farofa de especiarias da casa (R$ 27).

Na seção de clássicos, há coquetéis como Dry Martini, com gin, vermouth seco e azeitona (R$ 25), Mojito, com rum, hortelã, suco de limão, açúcar e água gaseificada (R$ 23), Negroni, com gin, Campari e Carpano Formula Antica (R$ 25), e Old Fashioned, com whisky, torrão de açúcar, angostura bitter e twist cítrico (R$ 23).

Satay

Endereço: R. Padre João Manoel, 1249, Jardins, S. Paulo – Telefone: (11) 3068-0169

Horários: segunda a quarta, das 19h à 0h/ quinta e sexta, das 19h à 1h/ sábado, das 13h à 1h30/ domingo, das 13h à 0h

Lugares: 98 pessoas – Cartões: Todos – Não aceita cheque

Serviço de valet: R$ 20 – Acesso a deficientes físicos e wi-fi gratuito

Sofia Carvalhosa Comunicação

Um pensamento sobre “Restaurante Satay abre nos Jardins, em São Paulo, apresentando a cozinha chinesa contemporânea

  1. No dia 21 de fevereiro deixei meu carro com o valet do SATAY (r$20,00) que estacionou na rua e fui multado. Reclei com o gerente que se propôs a assumir os pontos e pagar multa.
    Hoje recebi a multa e os 4 pontos no meu nome!
    NÃO DEIXE SEU CARRO COM O VALET

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s