Exposição/instalação FISHING, no parque Burle Marx, dia 27/10

No dia 27 de outubro, a Forms and Shapes Foundation (Polônia) realiza, pela primeira vez, uma intervenção artística em São Paulo. Intitulado FISHING, o projeto acontece no Parque Burle Marx, contando com nove nomes, entre artistas brasileiros e poloneses, com entrada gratuita. A iniciativa, que mescla elementos de instalação, escultura, design e performance, se inspira no universo aquático e na natureza como um todo, com aspectos lúdicos e de conto-de-fadas nas criações.

De acordo com a curadora Iza Rutkowska, a ideia de trazer esse projeto ao país se deu a partir da reputação brasileira na Polônia. “O Brasil tem uma boa fama por ser uma terra paradisíaca com clima e natureza únicos. Com base nesse pensamento tipicamente polonês, decidimos trabalhar essa temática, mexendo com a imaginação dos artistas e do público”, afirma.

Fishing (3)

Ocupação artística

Um monumento em forma de isca, peixes esvoaçantes e voadores, um peixe-gato nocivo, minhocas como um assento público e uma mobília inspirada em redes de pesca: tudo isso será visto na instalação, que poderá ser conferida exclusivamente neste dia, das 10h às 16h. Peixes escalando árvores, arbustos que se movimentam, troncos de árvores explodindo em cores e sapos de cinco metros de altura serão apenas algumas das criaturas encontradas no parque Burle Marx.

Fugindo de fórmulas e avessa a simples associações, Rutkowska decidiu apresentar um novo formato de design, em um lugar nada usual: um parque. A fonte de inspiração para o mais recente trabalho é a pescaria e os seres aquáticos. Mais de 15 artistas poloneses criaram objetos que já foram expostos, com sucesso, em um parque de Varsóvia.

Interação com público

Logo na entrada, o público recebe uma vara de pescar e um catálogo, criado especialmente para o projeto no Brasil. Dessa forma, todo mundo poderá “capturar” os “peixes-objeto”. Não apenas divertido, o projeto fez com que os participantes pensem o meio ambiente de uma maneira nada convencional.

A intervenção foi muito bem recebida em Varsóvia, fazendo com que a curadora questionasse como o projeto aconteceria em um país com cultura e hábitos diferentes. Iza também se interessou em conferir como esses novos designers trabalhariam a ideia de criar “seres aquáticos”. O projeto é realizado com o apoio do Adam Mickiewicz Institute, da Embaixada Polonesa no Brasil e da Aron Birman’s Foundation.

Fishing – Parque Burle-Marx, São Paulo – SP

Data: 27.10.2013 | Horário: 10h-16h | Entrada gratuita
Mais informações sobre a Forms and Shapes Foundation www.formyiksztalty.pl

Ficha técnica:

Curadoria: Iza Rutkowska www.formyiksztalty.pl
Designers:
Dominik Cymer: 
www.dominikcymer.pl
Robert Czajka: www.papierowemiasto.com
Bijari: 
www.bijari.com.br
Paola Abiko: www.paolaabiko.com
Marcio Ambrosio: www.marcioambrosio.com
Thiago Rezende:
http://www.facebook.com/homemnaagulha
http://thiago220781.wix.com/homemnaagulha
Felipe Young: 
http://flipink.blogspot.com.br/
O Silva: 
www.osilva.com.br

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s