Lançamentos da Maison des Caves apresentados na EXPOVINIS 2013 chegam para atender paladares exigentes do segmento Premium

A Maison des Caves, boutique de vinhos, adegas e acessórios do premiado Grupo Art des Caves, acaba de trazer para o mercado nacional e apresenta na 17ª. Feira Internacional do Vinho, a Expovinis 2013 (de 24 a 26 de abril no Expo Center Norte, em São Paulo), uma seleção especial de vinhos para atender aos paladares mais exigentes do segmento Premium, que resultam de cuidadosa seleção de vinícolas boutiques, com produções limitadas, garantindo assim, a qualidade de seus vinhos.

 

São eles: o top da chilena Viña Ralco, Malco Icono; os premiados “Proseccos” D.O.C.G. da tradicional vinícola Bortolomiol, cultivados na cidade de Valdobbiadene, nas opções: Superiore de Cartizze – Dry, Senior – Extra Dry, Suavis – Demi Sec; também da vinícola italiana, o frisante Bortolomiol Rosato; além da nova safra dos consagrados espanhóis, Pinna Fidelis, nas opções – roble, crianza, reserva.

Confira abaixo os lançamentos:

icono

Malco Icono, uma preciosidade da Viña Ralco

Localizada no coração do Valle de Curicó, a 200 quilômetros de Santiago, a Viña Ralco, fundada em 1961 pela família Achurra, possui uma área de 1.200 hectares de produção com uma grande variedade de uvas, como Cabernet Sauvignon, Merlot, Carménère, Malbec, Syrah, Chardonnay, entre outras. A empresa também disponibiliza outras variedades da família Malco, como: Malco Cabernet Sauvignon, Malco Carménère e Malco Cabernet Gran Reserva.

De cor rubi intenso e reflexos violáceos, com mix de aromas de frutas negras maduras como cassis e ameixas em infusão, com notas de menta intensa e nuances tostadas de couro, cedro rosa e tostados doces que lembram baunilha, caramelo e chocolate amargo. Na boca, se revela taninos de alta qualidade e acidez, mostrando frescor e vivacidade, possui persistência muito longa, qualidades dignas de um cabernet de raça!

Família de Proseccos finos Bortolomiol

Vale fazer uma breve apresentação dessa deliciosa novidade para os amantes de vinhos de qualidade especial, agora disponíveis nas opções em proseccos: Superiore de Cartizze – Dry, Senior – Extra Dry, Suavis – Demi Sec.

Style: "NERO BOTT"

Superiore di Cartizze – Valdobbidene D.O.C.G – Dry

Existe uma área de encosta muito preciosa em Valdobbiadene, chamada Cartizze. A colina Cartizze é um genuíno Grand Cru, que possui pouquíssimos hectares montanhosos, onde as melhores uvas são cultivadas. Devido à exposição ao sol e à mineralidade do solo perfeitos, as videiras produzem uvas excepcionais, com sabores equilibrados e elegantes, que torna a qualidade de seus vinhos incomparável. Essas uvas são apenas colhidas à mão, em um processo muito cuidadoso.

Este Prosecco Superiore possui uma perlage fina e persistente, um verdadeiro convite para degustá-lo. De fragrância agradável, convidativa, apresenta aromas equilibrados de salada de frutas, avelãs e flores doces de acácia. Na boca os açúcares característicos deste tipo de Prosecco são equilibrados por um frescor, densidade e cremosidade notáveis. Este é um vinho para ocasiões especiais que pode ser apreciado sozinho ou acompanhado de massas de molhos brancos como um Beauchamel ou molho Alfredo.

Prêmios conquistados: “91 Points” – Wine Enthusiast 2012; “5 Sfere” – Guida Cucina & Vini 2012; “5 Grapes” – Guida AIS – Bibenda Wine 2011; “Medaglia d’Argento” “La Selezione del Sindaco” – Rassegna Internazionale, 2010; “Medaglia d’Oro” 2009 “Medaglia d’Argento” 2010 – Concours Mondial de Bruxelles; “Decanter Medaglia d’Argento” – World Wine Award 2009;” Medaglia d’Oro” – Wine & Spirits Competitions 2008; “Decanter Medaglia di Bronzo” -World Wine Award 2008; “Oscar Qualità/Prezzo 2003 e 2005” – Gambero Rosso Editore; “Nastro d’Oro” – Grandi Spumanti 2003; “Medaglia d’Oro” – Vinitaly 1998..

Style: "NERO BOTT"

“Senior” – Valdobbiadene Prosecco Superiore D.O.C.G – Extra Dry

 

Por muito tempo o Prosecco não podia ser classificado como Extra Dry, devido à concentração de açúcar residual e à sua maciez natural. Porém, atualmente o termo é reconhecido mundialmente. O algarismo romano II que fica atrás do rótulo, refere-se ao estilo do Prosecco, considerando-se uma escala de I a IV onde I é o mais seco e o IV o mais adocicado. Este espumante foi o primeiro da linha I Tradizionali a ser produzido, o que levou a nomeá-lo como Senior, um nome latino, compreendido por todos internacionalmente, assim como o nome Prosecco.

Seu açúcar residual muito equilibrado e as fragrâncias envolventes possibilitam grande versatilidade a este vinho, como um welcome drink ou uma degustação com os amigos. Porém nas harmonizações é que ele realmente demonstra seu potencial. Experimente-o com sopas de legumes ou com uma salada de folhas verdes.

Prêmios conquistados: “Commended” – Decanter World Wine Awards 2012; “Medaglia d’Argento” – Mundus Vini 2009/2011; “Commended” – International Wine Challenge 2007 e 2009; “Commended” – International Wine Challenge 2010; “Medaglia d’Argento” – Vinitaly 2003; “Premio Corona” – Guida Vini Buoni d’Italia 2011.

Style: "NERO BOTT"

“Suavis” – Valdobbiadene Prosecco Superiore D.O.C.G – Demi Sec

A vinícola Bortolomiol produziu este Prosecco pelo método Charmat, que ganhou um nível de doçura superior aos demais vinhos de seu portfólio. Este é um perfeito vinho de sobremesa, elaborado através de pesquisas constantes e da excelência na produção, além da paixão pela viticultura que a vinícola Bortolomiol possui.

O Demi Sec é a versão menos comum. Possui um açúcar residual elevado, que deve ser bebido no final da refeição juntamente com a sobremesa. O vinho não é exageradamente doce, sendo bem equilibrado pelo frescor. As uvas, colhidas tardiamente, apresentam uma fragrância persuasiva e, na boca é muito sedoso. Acompanhamento perfeito para uma sobremesa de frutas frescas ou até mesmo como Welcome Drink com frutas secas.

Prêmios conquistados: “Medaglia d’Oro” – Vinitaly 2008; “Gran Menzione” – Vinitaly 2009; “Gran Menzione” – Vinitaly 2000.

 set bortolomiol rosato

Delicado Frisante Bortolomiol Rosato

Produzido a partir de um blend perfeito das uvas italianas, Glera e Raboso. Sua rolha é fixada por um cordão amarrado artesanalmente, o que confere muito charme ao produto. Possui coloração rosa claro, lembrando um acobreado de grande qualidade, com perlage bem fina e intensa. Seu aroma apresenta frutas vermelhas como morangos e leve floral de jasmim.

Na boca possui boa acidez, gás de quantidade adequada, corpo leve e fim de boca muito interessante, com excelentes notas de figos verdes.

Novas Safras dos consagrados Pinna Fidelis

Outros destaques tão importantes quanto os inéditos prossecos italianos Bortolomiol e o chileno, Malco Icono, que acabam de chegar na Maison des Caves, são as novas safras dos consagrados vinhos da Bodega Pinna Fidelis, vinícola espanhola localizada dentro da iniciativa de viticultoras de Peñafiel, considerada a melhor zona produtora da região de Ribera del Duero, nas versões: Reserva (2005), Crianza (2006) e Roble (2011).

Pinna Fidelis - Reserva

Pinna Fidelis Reserva 2005

Vinho Top da vinícola Pinna Fidelis e um dos ícones da região, totalmente elaborado a partir de uvas tinta del país (tempranillo), com estágio de 18 meses em barricas de carvalho francês e americano, é um vinho impressionante. Dotado de aromas fantásticos e únicos de pimenta, cravo e muito chocolate, além das frutas negras bem maduras. Muito bem integrado e de ótima persistência, com certeza um vinho que marca a filosofia da vinícola em querer fazer sempre o melhor.

Pontuação: 88 Pontos no Guia Peñin (2005)

Pinna Fidelis - Crianza

Pinna Fidelis Crianza 2006

Este Crianza, proveniente do termo “criação”, é um dos mais vendidos vinhos de Ribera Del Duero. Permanece por 14 meses em barricas de carvalhos franceses e americanos dos melhores bosques, com leve filtragem e pouco manuseio em sua elaboração. Um vinho de características clássicas da região e que se mostra muito persistente e de grande complexidade aromática. Sem dúvida, um vinho para nunca esquecer.

Pontuação: 86 Pontos no Guia Peñin (2007)

Pinna Fidelis - Roble

Pinna Fidelis Roble 2011

Vinho de entrada da Pinna Fidelis, tem passagem por 6 meses em barricas de carvalho americano especialmente selecionado. É um dos melhores custo-benefício da Espanha. De cor intensa, quase negra, ele impressiona nos aromas de morangos, framboesas e leves notas balsâmicas e tostadas. Um vinho que agrada a todos os paladares, e com certeza para sempre ter em sua adega.

Pontuação: 89 Pontos no Guia Peñin (2011)

Mais informações:

www.artdescaves.com.br ;

www.maisondescaves.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s